Escrito por Erik Weijers há 2 meses

Janet Yellen: as criptomoedas não são (ainda) um risco para o sistema financeiro

Numa sessão perante o Congresso dos EUA, a Secretária do Tesouro Janet Yellen afirmou que não vê as criptomoedas como um risco sistémico para a estabilidade do sistema financeiro. Ele mencionou, contudo, a queda da UST como um exemplo de um risco dentro das criptomoedas.

O motivo pelo qual Yellen não vê um grande risco deve-se ao facto de o mercado de criptomoedas representar um valor total de “apenas” 2 biliões de USD. Comparativamente, o mercado global de títulos tem um tamanho de sensivelmente 120 biliões de USD.

O termo risco sistémico foi introduzido pelo Congresso dos EUA como um rótulo para determinadas instituições ou setores financeiros grandes. Considere a seguradora AIG, que tinha grandes posições em produtos de hipotecários até 2008. Quando o mercado da habitação colapsou e a AIG estava em perigo de afundar-se, o governo dos EUA decidiu intervir e resgatá-la. A empresa foi salva: era demasiado grande para falhar.

Nas criptomoedas, um resgate destes nunca aconteceu. O setor orgulha-se da sua independência e do facto de os riscos financeiros não serem absorvidos pelo governo e, por conseguinte, pelos contribuintes.

Yellen não quis aprofundar a questão sobre a que valor de mercado consideraria as criptomoedas como um risco.

O crescimento do mercado das stablecoins

Os membros do Congresso tinham muitas dúvidas sobre as stablecoins, sem sombra de dúvida, parcialmente, como um resultado da queda da UST esta semana.

Houve preocupações relativamente às stablecoins por parte dos governos de qualquer das formas. Esta preocupação é, sem dúvida, parcialmente genuína, mas também parcialmente oportunista: os emissores de stablecoins são, de certa forma, competidores dos bancos (centrais). Ambos estão a emitir dinheiro.

"Não as caracterizaria [stablecoins] como uma verdadeira ameaça para a estabilidade financeira, mas estas [stablecoins] estão a crescer rapidamente e apresentam o mesmo tipo de riscos que conhecemos há séculos das corridas ao banco."

Yellen disse que esperava que a legislação sobre as stablecoins estivesse concluída este ano. Em março de 2022, os reguladores foram incitados pelo Presidente Biden a trabalharem para a regulação abrangente de todo o mercado das criptomoedas.

Nem todas as stablecoins são iguais

Yellen revelou que conhece a diferença entre os tipos de stablecoins. Algumas utilizam dólares “reais” como garantia. Algumas têm outras criptomoedas como garante: a stablecoin DAI faz isso, por exemplo. E há stablecoins que não têm qualquer garantia, dependendo ao invés de um sistema de incentivos. Eles recompensam os operadores que ajudam a equilibrá-lo. O problema com estas stablecoins algorítmicas sem garantia é que só funcionam enquanto os operadores quiserem continuar a fazê-lo. Se todos correrem para a saída, não há nenhum outro limite inferior que não seja o número 0.

Negocie a qualquer hora e em qualquer lugar

Melhore o seu impacto de negociação e tempo de reação em +70 criptomoedas através do acesso instantâneo ao seu portifólio com o app LiteBit.

download app