Erik Weijers, há 10 meses

FMI para El Salvador: deixem de aceitar a Bitcoin como moeda corrente

O FMI instou o governo de El Salvador a recuar na lei que aprova a Bitcoin como moeda corrente. Essa lei está em vigor desde setembro de 2021. O presidente de El Salvador, Nayib Bukele, respondeu com um amigável dedo médio erguido, através de um meme.

O FMI afirmou que “a adoção de uma criptomoeda como moeda corrente, contudo, representa grandes riscos para a integridade financeira e dos mercados, para a estabilidade financeira e para a proteção do consumidor.” A esta declaração seguiram-se conversas entre o FMI e El Salvador.

El Salvador é um país que depende de empréstimos do FMI e ainda está a negociar mais empréstimos. Por este motivo, o país não pode ficar insensível à pressão do FMI. Por outro lado, o presidente Bukele já tomou a decisão radical de afastar-se de um sistema monetário que, segundo a sua perspetiva, não fez nada de bom por El Salvador. Ele quer livrar-se do sistema baseado em dívida e trocar para um padrão Bitcoin.

Títulos Vulcão

Uma das formas que tem para alcançar isto é minar Bitcoin a uma escala nacional. A energia geotérmica dos vulcões é a fonte desta mineração e, por conseguinte, o valor subjacente dos designados "títulos vulcão" que El Salvador emitirá. A emissão da primeira ronda deve angariar mais de mil milhões de USD. Um dos potenciais clientes futuros dos Títulos Bitcoin, já agora, é a MicroStrategy, que já tem mais de 120 000 Bitcoin nos seus livros. "Se o mercado para estes títulos se tornar mais líquido," foi uma condição recentemente definida pelo CFO da empresa.

Samson Mow, CSO da Blockstream, é um dos arquitetos dos títulos Bitcoin. Ele perguntou se os potenciais investidores do título Bitcoin de El Salvador estão a ficar nervosos relativamente ao aviso do FMI. “Não. Num mundo baseado na Bitcoin, as organizações como o FMI e o Banco Mundial já não são na realidade relevantes. Eles só são relevantes porque podem criar dinheiro do nada. Não pode fazer isso com o padrão Bitcoin. [...] É assim que o dinheiro deve ser. Não um mecanismo de vigilância ou uma ferramenta para impor as suas políticas económicas a outro país.”

Outro país a adotar a Bitcoin?

A resposta do FMI surge numa altura em que Max Keiser, o "Sumo Sacerdote da Bitcoin," diz que recebeu confirmação que outro país sul-americano seguirá os passos de El Salvador e adotará a Bitcoin.

Será que o FMI estará preocupado com a ideia de que muitos dos seus “clientes” estão a trocar para “a concorrência”?

Artigos em destaque
Quão segura é a Bitcoin?
Bitcoin e Ethereum: quais são as diferenças?
Quatro estratégias comerciais para criptos
Artigos relacionados
O Estado de Nova Iorque proíbe a exploração de novos combustíveis fósseis à base de mineração de Bitcoin

jun 06, 2022

O Estado de Nova Iorque decretou uma moratória sobre a mineração de Bitcoin com base em energia insustentável. Isto significa que durante os próximos dois anos nenhuma nova exploração mineira insustentável poderá ser iniciada ou ampliada. É a primeira vez nos Estados Unidos da América.

Negocie a qualquer hora e em qualquer lugar

Melhore o seu impacto de negociação e tempo de reação em +80 criptomoedas através do acesso instantâneo ao seu portifólio com o app LiteBit.

  • 2525 Ventures B.V.
  • 3014 DA Rotterdam
  • The Netherlands
Mais informação
  • Sobre a LiteBit
  • Carreiras
  • Conta comercial
  • Support
  • Vender
  • Notícias
  • Educação
Assine para receber atualizações

Registe-se para manter-se informado através das nossas atualizações por e-mail

Subscrever
Explore moedas populares
© 2022 LiteBit - Todos os direitos reservados