Escrito por Monica Vierveijzer há 23 dias

O que é a Floki Inu? A memecoin que criou um movimento global

Caso nunca tenha ouvido falar da Floki antes, muito provavelmente não frequenta assiduamente o Twitter. A Floki é uma memecoin que está na moda, e mais outra criptomoeda baseada na raça de cães Shiba Inu. Com a sua enorme comunidade, a Floki está à procura de deixar de lado a má reputação que as memecoins têm e definiu um roteiro ambicioso para sérios casos de uso.

O que é a Floki e como é que se tornou tão popular?

Tudo começou com um cão

A Floki Inu (FLOKI) foi criada há pouco mais de um ano. E, no verdadeiro exemplo das memecoin, começou com um cão. O cão de Elon Musk, para sermos mais precisos. Quando Elon Musk anunciou que o seu novo cão de família, um Shiba Inu, se chamava Floki, um programador anónimo criou a criptomoeda Floki Inu.

Após terem sido detetadas falhas graves no design original do projeto, este foi recebido por um grupo maior que declarou a FLOKI “a criptomoeda das pessoas”. A visão da equipa é combinar memes com utilidade, e planeiam criar um ecossistema autónomo e descentralizado com parcerias estratégicas.

Nessa altura, tanto a Dogecoin como a Shiba Inu já tinham sido amplamente aceites pela comunidade das criptomoedas, e tanto a DOGE como a SHIB estavam a lucrar com o “efeito Elon Musk” nessa altura. A Floki conseguiu surfar a onda de Elon Musk também e ganhou um grupo de seguidores num curto período de tempo.

A FLOKI tem uma enorme comunidade

No primeiro ano da Floki, esta conseguiu registar uma posição no top 100 em termos de valor de mercado, aquando do seu máximo histórico. Desde o seu máximo histórico de 0,000348 $, esta perdeu bastante valor e acrescentou múltiplas casas decimais ao seu preço. No entanto, isso não pareceu incomodar a sua audível comunidade, que se designa por Vikings Floki, assim tanto.

Porque aquilo que é mais impressionante em relação à Floki são os seus números de pessoas envolvidas: eles conseguiram criar consistentemente hashtags com elevado trending nas redes sociais e tornaram-se virais mais do que uma vez. Há mais de 320 000 Vikings Floki a seguir a conta oficial no Twitter.

O seu marketing de guerrilha provocou alguns problemas

Além de utilizarem as redes sociais para a sua causa, eles também têm parcerias estratégicas e de marketing notáveis. Entre estas encontramos as parcerias com:

  1. A equipa de Fórmula 1 Alfa Romeo
  2. A Chainlink, para a proteção dos contratos inteligentes
  3. A CryptoCart, onde pode comprar cartões de oferta
  4. O pugilista profissional Tyson Fury
  5. Muitos clubes de futebol, como o Bayer 04 Leverkusen, FC Spartak de Moscovo, SSC Nápoles, Fenerbahçe e FC Twente

(foto René van Lier)

A Floki também adquiriu vários anúncios no Underground de Londres, cerca de 300 autocarros de Londres e elétricos de Amesterdão. A ascensão da Floki não passou despercebida e foi destacada em múltiplos jornais internacionais e em muitos canais de TV como a CNN e o Discovery.

Mas também trouxe um contratempo: muitos clubes de futebol foram fortemente criticados por causa do seu patrocínio. A Autoridade de Padrão de Publicidade Britânica foi ao ponto de banir a sua campanha de publicidade no Underground de Londres. E, nos Países Baixos, suscitou confusão sobre o que é e não é aceitável quando se publicita criptomoedas em específico.

Casos de uso e desenvolvimento

O token da Floki, o FLOKI, tem uma oferta máxima de 10 000 000 000 000 (10 milhões de biliões) de moedas. Tanto é um token ERC-20 na Ethereum como um token BEP-20 na Binance Smart Chain. Embora esta criptomoeda se baseie num meme, a Floki procura todos os tipos de casos de uso e tem um amplo roteiro.

A sua principal bandeira é o seu metaverso NFT de gaming, Valhalla. A sua versão beta foi lançada na sua testnet em fevereiro e planeiam lançar a primeira versão digna desse nome na testnet no final deste ano.

Os casos de uso e ofertas nos quais a Floki está a trabalhar incluem:

  • Locais Floki: plataforma de comércio de criptomoedas para merchandise e NFTs
  • Universidade Floki: uma plataforma de educação sobre a criptomoeda
  • Integrações DeFi, incluindo staking e farming
  • O lançamento dos seus NFTs Gemstone

A Floki também tem um forte foco em projetos de caridade:

  • A Floki conseguiu concluir uma escola na Nigéria
  • Comissionaram a construção de escolas em Laos, Guatemala e Gana
  • Contribuíram para iniciativas para combater a insegurança alimentar

A Floki é um projeto consideravelmente recente, com um roteiro ambicioso. Será que a sua valorização se baseia no otimismo e na crença desse roteiro – ou será que estão apenas interessados em lucrar com a excitação por detrás da memecoin? Ainda não se sabe ao certo se serão capazes de tornar-se num interveniente estável no mundo das criptomoedas, mas os seus Vikings Floki certamente que os motivarão durante o caminho.

Negocie a qualquer hora e em qualquer lugar

Melhore o seu impacto de negociação e tempo de reação em +70 criptomoedas através do acesso instantâneo ao seu portifólio com o app LiteBit.

download app