lb

há 22 dias

Tim Cook entrou nas criptomoedas, mas Apple não está a comprar Bitcoin

Foi esta semana que Tim Cook revelou durante uma entrevista que detém criptomoedas. Continua a ser segredo que criptomoedas captaram o interesse do CEO da Apple. Aquilo que tem sido mais importante para muitos analistas é a questão de se a Apple também vai entrar, investindo finalmente na Bitcoin. Aparentemente, isto não acontecerá no futuro próximo, mas o Sr. Cook revelou um par de coisas interessantes que estão a indicar que a Apple tem outros planos relativamente à criptomoeda.

Um homem decente

Embora Elon Musk se tenha divertido no Twitter este ano, o público em geral aprendeu uma coisa. Um mercado pode ficar totalmente louco se o homem mais rico no planeta tiver vontade de lançar o caos. A comoção criada pelos seus tweets sobre a Dogecoin, Shiba Inu e Floki são apenas um par de exemplos.

É óbvio que Tim Cook compreende que o mundo está a ouvir atentamente se o CEO da Apple tem algo para dizer. Muitos investidores e entusiastas das criptomoedas adorariam ouvir que moedas fazem parte do seu portefólio, no entanto Cook permaneceu decente e não mencionou quaisquer moedas em particular. Segundo a entrevista, ele detém algumas criptomoedas a acha que deter é um bom método para diversificar um portefólio.

A Apple não comprará Bitcoin

Embora o CEO da Apple detenha criptomoedas e esteja interessado nestas há algum tempo, ele recusou esperanças de que a Apple poderia investir na Bitcoin. Ele não acredita que os acionistas da Apple estejam à procura de exposição à Bitcoin quando detêm ações da Apple.

Mas isto não significa que a Apple não esteja ativamente a olhar para a Bitcoin e outras criptomoedas e como as utilizar e à tecnologia blockchain. O Sr. Cook não elaborou que tipo de aspeto ou caso de uso está na lista de vontades da Apple. Mas a empresa publicou um anúncio de emprego em maio e estava à procura de um candidato com ampla experiência em criptomoedas. O anúncio levou à conclusão de que Apple pode estar a planear utilizar criptomoedas como um método de pagamento alternativo e estava, por conseguinte, à procura de alguém para realizar o desenvolvimento comercial necessário.

Considerando o facto de que o PayPal, VISA e Mastercard deram os seus passos e estão a aceitar ou a utilizar criptomoedas e stablecoins, a Apple está comparativamente atrasada para a festa. O iPhone é um dos aparelhos mais populares em todo o mundo, tornando a Apple Play disponível para as massas. Como é óbvio, isto é pura especulação, mas não seria uma surpresa se a Apple estende-se o seu serviço de pagamento com as criptomoedas como uma opção no futuro próximo.

Negocie a qualquer hora e em qualquer lugar

Melhore o seu impacto de negociação e tempo de reação em +40 criptomoedas através do acesso instantâneo ao seu portifólio com o app LiteBit.

download app