litebit

há 2 meses

O que é o Ethereum Name Service e como é que pode obter o seu respetivo domínio .eth?

O Ethereum Name Service (ENS) é um serviço de nomenclatura que permite atribuir nomes facilmente legíveis por endereços de carteira. O Sistema de Nome de Domínio faz com que seja possível atribuir um domínio e também resolve endereços apontando pedidos para o IP correto. Desta forma, os endereços de website são facilmente legíveis por humanos e podem ser visitados usando um navegador. O Ethereum Name Service funciona de forma muito similar. Este torna os endereços de carteira legíveis pelos humanos tornando-os facilmente memorizáveis e identificáveis para transações diárias entre pessoas.

Como é que funciona o ENS e como é que este melhora as interações na blockchain? Neste artigo, vamos mergulhar um pouco mais naquilo que é realmente o Ethereum Name Service.

O que é o Ethereum Name Service?

Tal como o nome já sugere, o ENS baseia-se na blockchain Ethereum. O projeto foi iniciado em maio de 2017 por Alex Van de Sande e Nick Johnson, da Ethereum Foundation. Um endereço Ethereum tem o seguinte aspeto:

0xd2D6937332Eb1e9af722e0a7991caf20496A7114

Este é, como é óbvio, muito fácil de ler por uma máquina. Mas um ser humano não consegue possivelmente lembrar-se de uma cadeia de caracteres tão comprida e, na sua maioria, aleatória. Mas e se você e os seus amigos criassem a “Loja de Feijões” e quisessem receber pagamentos em Ether e tornar o endereço da vossa carteira mais acessível aos seus clientes?

É aqui que entra o Ethereum Name Service. Muito similar a um domínio, este permitiria que atribuísse um endereço legível por um humano ao endereço da sua carteira Ethereum. Um exemplo seria lojadefeijoes.eth e permitiria que os seus clientes se lembrassem do endereço e lhe enviassem pagamentos.

No entanto, isto é apenas um dos muitos exemplos comuns. O ENS não está limitado aos endereços de carteira, mas também pode ser utilizado para metadados, IDs de transação, hashes, avatares e muito mais. Este também é capaz de armazenar os endereços de mais de 100 blockchains. De facto, os utilizadores do ENS não estão limitados a utilizar o serviço com os endereços de carteira Ethereum.

Como funciona o ENS?

Cada nome de domínio ENS é representando por um token. Desta forma, cada nome, ou domínio, no ENS torna-se não só único, mas também transferível. Os proprietários de cada token também podem gerir toda a informação que está vinculada a este e ao domínio.

Um contrato inteligente atua como o registador e permite criar domínios topo de nível, bem como subdomínios no ENS. Por exemplo, deter a lojadefeijoes.eth também permite criar um subdomínio como funcionários.lojadefeijoes.eth e quaisquer outros nomes possíveis quando interage com o registador .eth.

Como é que obtém o seu respetivo domínio ENS?

O primeiro passo para obter o seu respetivo domínio .eth é verificar se o nome pretendido se encontra disponível. Para alugar o domínio, tem de definir durante quantos anos gostaria de alugar o domínio. Os encargos associados ao aluguer de um domínio têm de ser pagos sob a forma de taxa de receita anual, a qual é influenciada pelo comprimento do nome:

  • Nomes .eth com 5 ou mais caracteres: 5 $ em ETH por ano.
  • Nomes .eth com 4 caracteres: 160 $ em ETH por ano.
  • Nomes .eth com 3 caracteres: 640 $ em ETH por ano.

As taxas são calculadas em dólares americanos, mas têm de ser pagas em Ether, bem como as taxas de transação na blockchain Ethereum. Os nomes mais populares foram leiloados quando a ENS se iniciou, mas é possível adquirir ou aluga-los no mercado secundário. Dado que é uma estratégia comercial registar domínios que possam ser promissores no futuros, muitos proprietários estão mais do que dispostos a negociar.

O token ENS

No início de novembro de 2021, a equipa anunciou o lançamento do token ENS, que serve como principal token de governação. Uma quantidade de 25% da oferta total do token é emitida como um airdrop e qualquer um que tivesse pelo menos um domínio .eth durante um instante a 31 de outubro é elegível para reivindicar uma cota de tokens ENS. Os utilizadores podem reivindicar os seus ENS seguindo alguns simples passos e têm de fazê-lo até 4 de maio de 2022. Os tokens não reivindicados serão posteriormente queimados.

O airdrop provocou bastante convulsão nos meios internacionais de criptomoedas dado que o nível mais baixo valia cerca de 17 000 dólares americanos após o evento. No entanto, o airdrop não se destinou a recompensar os adotares iniciais com dinheiro grátis. Ao invés, o Ethereum Name Service estava a mudar para uma organização autónoma descentralizada (DAO) para dispor a governação do projeto nas mãos dos seus utilizadores.

Outros 25% da oferta total foram alocados aos programadores do projeto e a outra metade da oferta de tokens faz parte de um tesouro que será controlado pela DAO. Tipicamente, o tesouro destina-se a financiar o desenvolvimento futuro e os esforços de marketing de um projeto.

Negocie a qualquer hora e em qualquer lugar

Melhore o seu impacto de negociação e tempo de reação em +60 criptomoedas através do acesso instantâneo ao seu portifólio com o app LiteBit.

download app