s

há um ano

Crypto 101: Carteiras de Hardware

Uma carteira de hardware é um dispositivo para os utilizadores que procuram mais segurança. Esta é frequentemente utilizada para proteger grandes quantias de criptomoedas e é a primeira escolha de muitos detentores. Quais são as vantagens de utilizar um dispositivo como este?

O que é uma Carteira de Hardware?

Uma carteira de hardware é um dispositivo que armazenará as suas chaves privadas e as manterá fisicamente separadas de qualquer computador ou smartphone. Para interagir com o dispositivo, precisará de um segundo componente que é habitualmente uma espécie de software de carteira que tanto suporta o dispositivo ou é diretamente fornecida pelo fabricante da carteira de hardware.

A maioria do software que suporta carteiras de hardware são os designados thin clients. Apenas algumas criptomoedas oferecem suporte para todo o nó e na maioria dos casos o software não é conveniente para ser utilizado com os dispositivos.

O dispositivo em si tanto pode ser conectado por USB ou por Bluetooth. Isto permite utilizar também as carteiras de hardware em conjugação com computadores e smartphones.

Forte segurança

Dado que as chaves privadas são mantidas fisicamente separadas de qualquer outro dispositivo, as carteiras de hardware são, de facto, consideradas como uma das soluções mais seguras. Um pirata cibernético precisaria de acesso direto para realizar uma transação.

Um computador ou um smartphone podem ser pirateados remotamente. Isto não é possível com uma carteira de hardware. Em todos os casos será necessário o acesso físico ao dispositivo para conseguir alterar a sua funcionalidade. Mas a maior ameaça são as tentativas de piratear remotamente utilizando o phishing, keyloggers ou outras técnicas maliciosas.

Por conseguinte, é seguro dizer que uma carteira de hardware oferece tanta segurança quanto o utilizador médio pode pedir.

Menor usabilidade

Embora ofereça ótimos recursos de segurança, uma carteira de hardware é menos conveniente de usar. Tem de conectar o dispositivo de cada vez que quiser interagir com as suas criptomoedas e isto significa que precisa de levá-la consigo.

Mesmo se optar por uma combinação de carteira de hardware e um smartphone, ainda terá de desbloquear ambos os dispositivos de cada vez que quiser interagir com a carteira. O mesmo passa-se com a segurança reforçada. Tem de lembrar-se de um código pin para a carteira de hardware e possivelmente de um outro para o software.

Os backups, por outro lado, seguem as normas da indústria, utilizando uma frase seed que tem de guardar num local seguro. Uma carteira de hardware é a melhor escolha se quiser optar por mais segurança enquanto sacrifica imenso a conveniência.

Mais perguntas

Negocie a qualquer hora e em qualquer lugar

Melhore o seu impacto de negociação e tempo de reação em +60 criptomoedas através do acesso instantâneo ao seu portifólio com o app LiteBit.

download app